Formas de reduzir custos com a Nota Fiscal eletrônica | MAIS DADOS DIGITAL

Formas de reduzir custos com a Nota Fiscal eletrônica

Desde dezembro de 2016, a NF-e tornou-se uma obrigação para as empresas contribuintes do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). Apesar da adequação a essa nova realidade ser vista como trabalhosa por empresários e organizações, você sabia que é possível reduzir custos com a Nota Fiscal eletrônica?

A NF-e foi criada para substituir as notas tradicionais de papel, tipo A e A-1. O documento fiscal é emitido e armazenado eletronicamente, o que, além de agilizar o processo de emissão de notas fiscais, significa um importante avanço tecnológico para o País.

Hoje, tanto as Administrações Tributárias, como o vendedor contribuinte e a sociedade podem se beneficiar e reduzir custos com a Nota Fiscal eletrônica. Entenda como.

Como o vendedor pode reduzir custos com a Nota Fiscal eletrônica?

  • Redução de custos com papel e impressão

Trabalhando com Notas Fiscais eletrônicas, o vendedor que emite o documento economiza ao fazer todo o processo digitalmente. Além de não precisar mais investir dinheiro para comprar folhas e tintas para impressão das notas, as empresas gastam menos papel e, consequentemente, contribuem para uma diminuição do impacto ambiental.

  • Elimina-se a necessidade de envio da Nota Fiscal

O vendedor também pode reduzir custos com a Nota Fiscal eletrônica excluindo a necessidade de enviar a Nota Fiscal na versão impressa. Agora, ao invés de ter gastos com o envio dos documentos fiscais, as empresas precisam apenas emitir eletronicamente a Nota Fiscal em XML, a ser remetida eletronicamente para a Secretaria de Fazenda Estadual.

Caso você tenha perdido a publicação, nós já explicamos todo o processo de emissão de NF-e. Acesse e entenda como é simples.

  • Redução de custos com armazenagem dos documentos fiscais em papel

Reduzir custos com a NF-e mais também é possível porque armazenar documentos digitais é muito mais simples que guardar documentos impressos.

A legislação brasileira determina que documentos fiscais fiquem armazenados durante 5 anos. Para fazer isso antes da implantação da Nota Fiscal eletrônica, o vendedor precisava investir em espaços físicos e armários para arquivar todos os dados necessários.

Para o armazenamento de Notas Fiscais eletrônicas, a maisDADOS desenvolveu o NF-e mais, um serviço on-line que auxilia diretamente no processo de busca de documentos fiscais eletrônicos, além de assegurar o armazenamento pelo período que a legislação estipula. Continue lendo para saber mais sobre a solução.

Quais são as vantagens da Nota Fiscal eletrônica para a sociedade?

  • Menor consumo de papel

Assim como o vendedor contribuinte que emite o documento, a sociedade em geral pode reduzir custos com a Nota Fiscal eletrônica e contribuir para a preservação do meio ambiente com a redução do gasto de papel.

  • Novas oportunidades de negócios na prestação de serviços ligados à NF-e

Além de reduzir custos com a Nota Fiscal eletrônica, a sociedade também pode gerar novas oportunidades de negócios devido à obrigatoriedade da implantação do documento digital. Já que todo mundo precisa aderir à NF-e, prestadores de serviços ligados à tecnologia podem garantir novos negócios e gerar oportunidades de empregos para profissionais da área.

Como as Administrações Tributárias podem reduzir custos com a Nota Fiscal eletrônica?

  • Menos sonegação e mais arrecadação

Uma das maiores vantagens trazidas pela adoção da Nota Fiscal eletrônica para as Administrações Tributárias é a diminuição da sonegação e o consequente aumento da arrecadação.

Quando uma Nota Fiscal eletrônica é emitida, é preciso acessar a SEFAZ para receber a confirmação para a geração da nota, o que não acontece caso seja identificado algum problema relacionado ao CNPJ do vendedor. Com as NF-e, o governo tem acesso a informações referentes às compras e vendas de cada comerciante, o que facilita a identificação de roubos ou desvios.

  • Menos custos com a fiscalização de notas fiscais

Para as Administrações Tributárias, é possível reduzir custos com a Nota Fiscal eletrônica com a diminuição dos gastos no processo de controle das notas fiscais.

Depois da NF-e, todo o processo se tornou muito mais simples e assertivo. Quando uma empresa emite eletronicamente a Nota Fiscal em XML, o documento digital logo é enviado para a Secretaria de Fazenda Estadual. Depois, o Fisco realiza uma pré-validação da Nota Fiscal e autoriza a operação comercial.

Conheça outros benefícios da Nota Fiscal eletrônica

Além de ser possível reduzir custos com a Nota Fiscal eletrônica devido à economia de papel, redução de gastos com impressão e com o envio de documentos fiscais, adotar a tecnologia garante aos brasileiros vários outros benefícios. Conheça algum deles:

  • Processo simplificado e mais rápido;
  • Aumento na confiabilidade da Nota Fiscal;
  • Melhoria na qualidade e segurança da informação;
  • Apoio nas atividades de Contabilidade;
  • Facilidade de acesso às informações do Fisco;
  • Incentivo ao uso da certificação digital;
  • Redução de erros de escrituração devido a erros de digitação de notas fiscais;
  • Garantia da idoneidade do cidadão com a assinatura eletrônica;
  • Padronização de arquivos eletrônicos trocados entre vendedor, comprador, contador e Fisco;
  • Maior e melhor controle do Fisco nas operações de venda;
  • Facilidade na armazenagem de documentos fiscais;
  • Redução das obrigações acessórias (dispensa de AIDF);
  • Planejamento de logística e entrega antecipada da informação da NF-e;
  • Redução de tempo de parada de caminhões em Postos Fiscais de Fronteira;
  • Incentivo ao uso de novas tecnologia e comércio eletrônico;
  • Redução de custos no processo de controle de notas fiscais capturadas em trânsito.

Armazene e gerencie documentos fiscais com o NF-e mais

O NF-e mais é um serviço online desenvolvido pela maisDADOS para tornar o processo de armazenamento e gerenciamento de documentos fiscais mais prático, simples e seguro.

Com uma interface intuitiva e acessível pela Web, o NF-e mais garante que as notas emitidas sejam salvas em poucos minutos após a emissão. As mesmas são, ainda, validadas, para evitar que Notas Fiscais eletrônicas frias sejam armazenadas.

Alguns dos benefícios do NF-e mais:

  • Altamente indicado para empresas que trabalham com um grande volume de emissão de notas;
  • Agilidade na gestão de Notas Fiscais eletrônicas;
  • Busca automática de documentos fiscais de fornecedores, eliminando a necessidade de interferência humana, o que torna o processo mais assertivo;
  • Backup em nuvem de todos os documentos fiscais;
  • Visualização em PDF/XML;
  • Integração com o software receptor da organização.

Leia também:
Como guardar Notas Fiscais? Conheça o NF-e mais
Saiba como consultar as NF-e emitidas contra o seu CNPJ

Quer saber mais sobre o NF-e mais? Clique aqui e fale com um de nossos consultores!

topo